Planeje uma viagem completa para o Pantanal de um jeito fácil e prático!

 
     

    O que fazer no Pantanal

    DESCUBRA AS ATRAÇÕES IMPERDÍVEIS PARA SUA VIAGEM

    Considerada a maior planície de inundação contínua do mundo, o Pantanal é um local perfeito para quem procura natureza e animais selvagens. São milhares de espécies de borboletas, aves, mamíferos, peixes e répteis. É um lugar dos sonhos, em que você poderá ver raridades como a onça pintada - o maior felino das Américas - e a ariranha, também muito encontrada no Pantanal.

    Entre os passeios que você deve fazer em seu pacote para o Pantanal, estão visitar o Refúgio Ecológico Caiman, fazer um passeio de chalana da Fazenda San Francisco, pescar nos rios da região, fazer um passeio no Trem do Pantanal e, logicamente, um safári. Não perca também a cidade de Bonito que, como o próprio nome indica, é um dos locais mais deslumbrantes do país. Perfeita para o seu pacote para Pantanal.

     

    Atrações imperdíveis

    CONFIRA NOSSA SELEÇÃO COM AS MELHORES ATRAÇÕES DA CIDADE

    São apenas 30 km de percurso, mas nessa pequena trajetória é possível ver algumas das mais belas paisagens do Pantanal. O trem sai de Campo Grande de manhã e chega à Miranda ao fim da tarde. Entre uma parada e outra, faz um intervalo em Aquidauana para o almoço. Para os que estão dispostos a comprar o artesanato local, as cidades Taunay e Piraputanga também estão no percurso.

    Se você está no Pantanal, há safáris para praticamente todos os bichos. O mais famoso, sem dúvida, é o passeio para observar a espécie mais festejada do Pantanal, a rara onça pintada. Há também safáris fotográficos em que os turistas podem observar, em jipes 4 x 4, alguns animais selvagens. Há também os safáris feitos à pé. Seja qual for a escolha, nunca faça esses passeios sozinho. O melhor é contratar um guia que pode fazer os safáris em três diferentes momentos – bem no comecinho da manhã, ao sair do sol; no final da tarde e à noite; todos dependem do animal que você deseja ver e de seus hábitos noturnos e diurnos.

    A cidade faz parte do Complexo do Pantanal e é rodeada por cachoeiras, lagos, grutas, rios de águas bem claras. Sabe aquela imagem que você tem de pessoas mergulhando em um local cheio de peixes? Pois esse lugar é a Gruta do Lago Azul. Não deixe de conhecer também o Abismo de Anhumas, o Aquário Natural e a Lagoa Misteriosa.

     

    Mais sugestões para todos os gostos

    ENCONTRE MAIS DICAS DE PONTOS TURÍSTICOS PARA DEIXAR SUA VIAGEM MAIS COMPLETA

    O Refúgio está localizado em uma fazenda de 53 mil hectares e tem um programa de conservação da natureza através da manutenção da Reserva Particular de Patrimônio Natural. Entre as atividades permanentes oferecidas, estão safáris fotográficos, caminhadas por trilhas, passeios de canoa canadense e focagem noturna.

    O passeio de chalana, espécie de embarcação utilizada em rios pantaneiros, acontece no Corixo São Domingos, um braço do rio Miranda. É uma das atrações que não podem ficar de fora do seu pacote Pantanal. É possível visualizar aves como o Martim pescador, biguás, garças, socós, gaviões, além de jacarés, ariranhas, lontras e tamanduás.

    Um dos esportes prediletos da maioria dos frequentadores do Pantanal, a pesca pode ser feita nos vários rios da região, entre eles o Paraguai, o Cuiabá, o Taquari, o Salombra e o Taboco, para citar alguns. As espécies mais capturadas são pacu, pintado, cachara, piranha, piauçu, barbado, dourado, jaú, curimbatá, piraputanga, jurupescen e jurupoca. Porém, dependendo da época, por causa da reprodução, a pesca de alguns desses peixes fica proibida.

    Publicidade

    Publicidade