Confira nosso guia de viagem para Olinda e conheça todos os encantos da cidade!

 
     

    Guia de viagem para Olinda

    MUITAS INFORMAÇÕES PARA VOCÊ PLANEJAR SUA VIAGEM PARA OLINDA

    Olinda é uma cidade pernambucana que faz muito sucesso durante o Carnaval. Mas o que muita gente não sabe sobre Olinda é que a cidade também é um ótimo destino em outras épocas do ano, com o seu rico e importante centro histórico, eventos e vida cultural fervilhante.

     

    Atrações imperdíveis

    CONFIRA NOSSA SELEÇÃO DAS MELHORES ATRAÇÕES DE OLINDA

    Olinda é Patrimônio Cultural da Humanidade, por isso é repleta de atrações turísticas e monumentos históricos. Nós separamos algumas dicas sobre os lugares que você não pode deixar de visitar e que devem fazer parte do seu guia de viagens para Olinda, confira.

    Basílica de São Bento

    É considerada a igreja mais rica da cidade, com uma decoração interna toda em estilo barroco, além do luxuoso altar com 28 kg de ouro. Os móveis elegantes, Via Sacra alemã e o Cristo Crucificado que compõem a decoração local também chamam a atenção. Aos domingos, são feitas apresentações de canto gregoriano às 10h.

    Convento de São Francisco

    O convento foi o primeiro de Ordem Franciscana no país e sua arquitetura e decoração chamam atenção pelos azulejos portugueses. As características barrocas da construção também adicionam um charme a mais, e o seu pátio interno possui uma bela galeria que retrata a vida e a morte de São Francisco. Todos os detalhes do local merecem atenção e permitem uma viagem para Olinda que evidencia o lado histórico da cidade.

    Centro Histórico

    O local se tornou Patrimônio Cultural da Humanidade em 1982 e tem como principal características as ladeiras e casas de influência portuguesa que começaram a ser construídas durante o século 16. O Alto da Sé é o seu ponto mais alto e oferece uma boa vista da cidade e seus arredores. O bairro também possui uma casa de origem holandesa, da época da colonização do país no Brasil.

    Museu do Mamulengo

    Você já deve ter ouvido falar sobre o mamulengo, fantoche feito em pano e madeira que eram usados no teatro de rua da região. O acervo do museu conta com centenas de bonecos e os mais antigos são do século 19. Os modelos representam o homem rural nordestino.

     

    Gastronomia e vida noturna

    SUGESTÕES DE RESTAURANTES E ATRAÇÕES PARA APROVEITAR A NOITE DE OLINDA

    Parada obrigatória para quem faz turismo em Olinda, o Alto da Sé é um local repleto de barraquinhas que oferece o melhor para turistas que desejam conhecer mais da cultura local, seja por meio da culinária ou artesanato. O Mercado da Ribeira é famoso por expor os famosos bonecos gigantes que animam o Carnaval, além de ser um bom local para a compra de artesanato. O Sítio das Artes e o Ecological são dois bons lugares para comprar roupas com técnicas de bordado filé e renda renascença, e você não pode deixar de provar a famosa tapioca do Alto da Sé. Quanto aos restaurantes, visite o Capitania, Casa de Noca, Engarrafados ou Oficina do Sabor.

    A rua do Amparo é um dos melhores locais da cidade para aproveitar os seus museus, pousadas, restaurantes e bares. Esse polo cultural ainda tem o charme de suas ruas de paralelepípedo e alguns artistas moram na região e usam as suas casas como ateliê. A residência nº 91 é muito visitada por turistas por produzir a bebida Pau-do-índio, muito famosa na cidade e que leva 32 ingredientes em sua fórmula secreta. O Centro Histórico é o melhor local para passear durante a noite, com destaque para a Bodega do Veio, mix entre mercearia e botequim. Os bares Xinxim da Baiana e Licoteria Notívagos também fazem sucesso.

    Publicidade

    Publicidade